segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

8.ª edição - Ajudaris 2016 - Tema alimentação.

Ajudaris é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) com estatuto de utilidade pública. As Histórias da Ajudaris são um dos seus vários campos de ação, tendo por grandes objetivos:
. Fortalecer hábitos de leitura e escrita;
. Promover a inclusão e a integração social através da arte;
. Despertar a solidariedade;
. Aproximar a escola das famílias e da comunidade;
. Fomentar a interação entre gerações;
. Impulsionar o voluntariado.
Projeto Histórias da Ajudaris, criado em 2009, concretiza-se a partir da edição de livros escritos por crianças para crianças, colhendo a inspiração em temas como a cidadania, os afetos e o ambiente. Assim, vários estabelecimentos de ensino e ilustradores solidários participam na ilustração do mundo dos contos criados pelas crianças, através do seu envolvimento em workshops, exposições e outras atividades, de que se destaca o concurso Histórias da Ajudaris.
A inscrição no projeto “Histórias da Ajudaris’16” é realizada através do preenchimento de um formulário disponível online. Este deve ser enviado até ao dia 31 de Janeiro de 2016.
Participa. 
 Um projeto de e para crianças… Criando Sorrisos 
Solidários!!!

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Fresquinhas e boas!!!


Chegou o tradicional S. Martinho e com ele os magustos... as feiras...!
No passado dia 10 de novembro, o Ji/1.º ciclo de Cans para além de degustar as castanhinhas assadas e quentinhas, da parte da manhã, realizou, da parte da tarde, em colaboração com os pais/encarregados de educação e comunidade, em geral, a feira de S. Martinho.  



Entre a alegria e a boa vontade de todos reinou, sem dúvida, a ajuda preciosa dos encarregados de educação, de cada barraquinha, a salientar, na foto seguinte, o apoio prestado pela Dna Sandra e Dna Gracinda do Ji 2can!





No dia 29 de outubro/2015, o Centro Escolar de Cans (Ji/1.ciclo), encontrou-se com o autor Miguel Borges que veio encantar todas as crianças com as suas histórias e, em especial, com o conto:




Um evento que proporcionou momento de intercâmbio, de aprendizagem e de suporte para as diversões do Dia do Halloween.






No dia 28 de outubro, o Ji de Cans, em articulação com o 1. Ciclo, comemorou o Dia             Internacional  das Bibliotecas, onde cada grupo apresentou um número previamente ensaiado.


O grupo do Ji 2 can apresentou a canção:
 "Quando chega o outono
 voa a andorinha
parte para Sul,
p`rá nova casinha.

Quando chega o outono
colhe-se na vinha,
arrefece o tempo
cai uma chuvinha.

Quando chega o outono
solta-se a folhinha
aparece o vento
uma brisa fresquinha.
(...)", passando a momentos mais enriquecedores com a dramatização da mesma.


sábado, 14 de novembro de 2015

Vivências do S. Martinho no Jardim/Centro Escolar de Boelhe

A lenda de São Martinho
“Num dia frio e chuvoso de inverno, Martinho seguia montado a cavalo quando encontrou um mendigo. Vendo o pedinte a tremer de frio e sem nada que lhe pudesse dar, pegou na espada e cortou o manto ao meio, cobrindo-o com uma das partes. Mais à frente, voltou a encontrar outro mendigo, com quem partilhou a outra metade da capa. Sem nada que o protegesse do frio, Martinho continuou viagem.  Diz a lenda que, nesse momento, as nuvens negras desapareceram e o sol surgiu. O bom tempo prolongou-se por três dias.”
As tradições do dia de São Martinho
     O dia de São Martinho é festejado um pouco por todo o país mas em Penafiel esta tradição protagoniza, durante 12 dias, uma das maiores e mais dinâmicas feiras comerciais do distrito do Porto. Ao longo desses dias de romaria falar em Penafiel e do S. Martinho é falar de castanhas assadas, magusto, rojões, tortas de S. Martinho e das provas dos vinhos. No nosso Jardim não faltou o magusto, boa disposição, histórias, canções e muita animação. A tradição mantém-se e por isso não podíamos deixar de elaborar uma bonita Maria Castanha, após a exploração da sua história.

sábado, 31 de outubro de 2015

Brincar com os medos...

   Desde sempre se levantou algumas controvérsias e constrangimentos entre aqueles que são a favor de comemorar o dia das bruxas, acolhendo alguns gestos e simbologia estrangeiras e, outros que discordam de tal aplicação, não vendo quaisquer benefícios associados ao tema. A divisão de opiniões divide-se assim entre os que são a favor e defendem esta festividade apontando alguns benefícios, especialmente para o público mais novo, e outros que apelidam este beneficio de mero abuso comercial que incentiva a um maior consumo. Sem querer desvalorizar e descredibilizar estes dois lados as docentes do Jardim de Boelhe decidiram que são as crianças que "mais ordenam" e por tal facto nem se questionaram se se deveriam brincar com o dia das bruxas, pois era esse o desejo dos mais pequenos. Durante alguns dias os medos foram questionados e assumidos pois estes são tão importantes de serem trabalhados como as coisas boas.  Ao desmitificar e fazer compreender o medo as crianças "matam" o medo. O medo assume assim a função de catarse, em que as crianças têm necessidade dele, para se explicarem, para vivenciarem e porem cá para fora as suas angustias e más experiências e é tomando consciência dos medos, que estes vão sendo superados. 
  E entusiasticamente escutaram-se histórias, ouviram-se canções, declamaram-se lengalengas, construiriam-se monstros assustadores, prepararam-se lanternas para a noite de Halloween, fizeram-se algumas travessuras e foram preparadas doçuras deliciosas para os pequenos diabretes. 
    E em jeito de conclusão fica o registo das docentes que esta festividade serviu em termos pedagógicos como um dado motivador e potenciador de oportunidades para novas aprendizagens.

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

J.I. Lomar -" Dia Mundial da Alimentação"

Motivados pela data comemorativa do “Dia Mundial da Alimentação”, diversas atividades foram desenvolvidas ao longo da semana, pelas crianças que frequentam o Jardim-de-infância de Lomar. O objetivo primordial foi promover a importância de uma alimentação variada. Para tal recorreu-se a estratégias e atividades diversificadas, desde a exploração de histórias, em PowerPoint, da elaboração de fichas de trabalho utilizando-se diferentes técnicas de expressão, confeção de sanduiches saudáveis, dramatizações, construção de uma roda dos alimentos, aprendizagem e exploração de canções relacionadas com a temática da alimentação.
    No dia 16, no âmbito da articulação entre o Pré-Escolar e o 1º Ciclo do Ensino Básico, realizamos atividades diversificadas para comemorar o Dia da Alimentação, promovendo hábitos de alimentação saudável.





sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Dia Mundial da Alimentação - Centro Escolar de Boelhe


     No dia em que o Mundo dedica especial atenção à alimentação, também o nosso Centro Escolar de Boelhe se associou para assinalar esta data.
     Os educadores e professores promoveram um dia inteiramente dedicado a esta temática elucidando as crianças que este dia não chega para aprender tudo sobre a alimentação. Foi sobretudo um dia de reflexão para pensarmos porque é tão importante falar sobre a alimentação, para reconhecer a importância daquilo que comemos e de que forma isso irá influenciar a nossa saúde. Hoje foi um dia para todos pensarem sobre este tema, e depois, os restantes dias do ano, serão para aprender mais sobre o referido assunto.
     As crianças do Jardim-de-infância tiveram a oportunidade de “meter mãos à obra” e colaboraram na confeção de uma sopa deliciosa (legumes variados trazidos pelas mesmas), na realização de uma sobremesa saudável (iogurte/gelatina/frutas) e numa bebida vitamínica (sumo de laranja natural). Simultaneamente foram explorados e recordados diversos conceitos tais como sabores, texturas, cores, aromas, formas, quantidades, estados da água, etc.
                                   “Saber comer é saber viver!” 

domingo, 12 de julho de 2015

Projeto "Aprender... experimentando" - Ciências experimentais...!








No âmbito do Plano de Melhoria, o Departamento da Educação Pré-escolar do Agrupamento de Penafiel Sudeste desenvolveu, ao longo do ano letivo o Projeto “Aprender… experimentando” que incluiu a concretização de 3 atividades experimentais por período. Todas as atividades foram realizadas, conforme planificações delineadas, previamente, dando cumprimento à respetiva calendarização. Os objetivos propostos para as atividades realizadas, nos diferentes Jardins-de-infância, foram cumpridos. Como potencialidades relativas à implementação do referido Projeto é apontado o desenvolvimento de novas capacidades e novas competências que se traduziram na aquisição de novas aprendizagens, de acordo com a especificidade da Educação Pré-escolar e indo ao encontro da nomenclatura utilizada, maioritariamente, pelos restantes níveis de ensino, como sendo a Melhoria dos Resultados Escolares dos Alunos e, dando cumprimento ao eixo 1 do Projeto Educativo do Agrupamento. Assim, a diversificação de estratégias utilizadas, adequando-a aos diferentes contextos e projetos que foram sendo vivenciados, bem como considerando o desenvolvimento de cada grupo e respetiva heterogeneidade nas diversas atividades realizadas contribuíram para a participação ativa, o desenvolvimento da capacidade de atenção e observação, empenho e entusiasmo, o desenvolvimento do espirito curioso que foram, marcadamente, sentidos, por parte de todos os grupos de crianças do Departamento; as diversas explorações proporcionaram o desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático das crianças, levando ao questionamento, à identificação de problemas, à sugestão de resultados (relacionados com as vivências do seu quotidiano); as atividades fomentaram o espírito científico, proporcionaram a aquisição de novos vocábulos, visando o desenvolvimento ao nível da linguagem e promovendo o desenvolvimento integral da criança, dado que as atividades experimentais se desenrolaram, de forma articulada, tendo como base as Áreas de Conteúdo, consagradas nas Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar. É de referir, assim, que as atividades experimentais, incluídas na Área do Conhecimento do Mundo, foram uma mais-valia para o desenvolvimento do conhecimento pessoal/social, para além de fomentar a partilha entre os diversos Jardins-de-infância do Agrupamento. A realização de diversas atividades experimentais foi vivida, também, em articulação com o Primeiro Ciclo, refletindo-se numa mais-valia para todos os grupos. Dada a relevância do presente trabalho, está a ser projetada a sua continuação para o próximo ano letivo 2015/16.
Cabeça Santa, 11 de julho de 2015
A Coordenadora da Educação Pré-escolar
Carolina Moreira Rodrigues


quinta-feira, 4 de junho de 2015

Dia Mundial da Criança - 1 de junho 2015

A sala dois do Jardim-de infância partilhou com os outros grupos do Centro escolar de Cans momentos únicos e irrepetíveis, festejando o Dia Mundial Da Criança.




As crianças tiveram a oportunidade de vivenciar atividades lúdicas e de autêntica diversão!
Para além das iniciativas dos docentes desta instituição, as crianças usufruíram, também, do apoio de alguns encarregados de educação quer na pintura facial (encarregada de educação do 1.º Ciclo - D. Isabel) quer na  oferta de 2 bolos, um oferecido pelos pais da Beatriz da sala 2 e outro dos pais do João Gabriel, da sala 4, ambos do Jardim-de-infância de Cans.


As crianças deliciaram-se, ainda, com um saboroso gelado!!!
Hum.... muito bom!

Projeto Família - Dia Internacional da Família

Dando continuidade ao projeto “A Família” que a sala 2 do Jardim-de-infância de Cans tem vindo a desenvolver, o Dia Internacional da Família culminou com a exposição de alguns dos trabalhos realizados em parceria com os encarregados de educação, designadamente o Brasão da Família.
Maria, mãe de Jesus, não é esquecida pelo grupo, também pertence à Família!


domingo, 31 de maio de 2015

“Mês Abril - Mês da Prevenção dos Maus Tratos a Crianças e Jovens” CPCJ - PNF - Sala JI 2 Can


As crianças, no Jardim-de-infância, pela imitação vão trabalhando o código escrito, apercebem-se das suas caraterísticas, passando à escrita do seu nome ou do colega, estabelecendo comparações e formarem as suas próprias conceções sobre o funcionamento da escrita (Mata, 2008). Nesta medida, conforme referem as Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar, as crianças podem “compreender que o que se diz se pode escrever, que a escrita permite recordar o vivido, mas constitui um código com regras próprias” (OCEPE, M.E., 70). A sala 2 do Jardim-de-infância de Cans, contextualizando as suas atividades de sala, segundo os projetos que vem vivenciando – PNL, Projeto Família, tendo com pedra basilar a leitura e a escrita, de forma contínua, participou na iniciativa promovida pela Comissão de Proteção de Menores de Penafiel (CPCJ), designadamente no  “mês Abril -Mês da Prevenção dos Maus Tratos a Crianças e Jovens”. Dando continuidade à parceria desenvolvida com os pais/encarregados de educação, ao longo do ano letivo, o grupo e respetiva família desenvolveram trabalhos apelativos a esta temática, ido de encontro com os direitos das crianças. 


Sendo o “Brincar com as palavras” uma das estratégias utilizadas para desenvolver a linguagem verbal, a psicomotricidade fina, a criatividade, o incremento do espírito poético, entre outros objetivos, este grupo trabalhou os direitos das crianças, criando frases com o título “DIA DA CRIANÇA É TODOS OS DIAS…”, a incluir na Manta da Poesia do Departamento do AEPS. 
A Educadora de infância
          Carolina Rodrigues


S

Manta da Poesia do Departamento da Educação Pré-escolar do Agrupamento de Escolas Penafiel Sudeste

A exposição da Manta da Poesia, exclusiva do Departamento da Educação Pré-escolar do AEPS, continua a ser divulgada na biblioteca da escola sede. Eis algumas fotos!!!
Como é bom sonhar, (re)viver momentos! .... Viajar no tempo, ....,  com as crianças da Educação Pré-escolar do AEPS é continuar a VIVER!!
A Coordenadora do Departamento
Carolina Rodrigues

sábado, 2 de maio de 2015

Feliz dia da Mãe

                         Ser mãe não há receita,
                         Nem lições feitas de cor,
                         Ser mãe é ser eleita,
                         É cuidar com muito Amor.

                                                              Um amor de sonho feito
                                                              Temperado com fantasia,
                                                              Bem guardado junto ao peito
                                                              Renovado em cada dia.
                                                                       (Maria do Rosário Moita de Macedo)

sábado, 25 de abril de 2015