sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

O colorido do nosso Carnaval

    Finalmente chegou o dia do desfile de Carnaval! 
   Muita cor, alegria, música e fantasia pairou neste dia solarengo, no nosso Centro Escolar. Os pais foram convidados a assistirem ao nosso cortejo, dentro das nossas instalações. Desta vez não saímos pelas ruas mas o entusiasmo foi o mesmo e o contentamento também. Deixamos aqui algumas fotografias que demonstram o colorido que foi patente neste dia de muita folia! 
    E para que não restem dúvidas do quanto estávamos satisfeitos e bonitos ficam aqui as fotos de grupo. 
video
Um bom Carnaval para todos!

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Visita da autora Palmira Martins

  Hoje, tal como já tínhamos noticiado anteriormente, recebemos a simpática autora Palmira Martins no nosso Centro Escolar. Estávamos todos entusiasmados em conhecer a escritora que deu vida aos textos que temos explorado, do livro "Conversas de Capoeira e muita brincadeira". E de facto foi com muita brincadeira (ajuizada)  que analisamos e aprendemos alguns excertos dos seus textos para presentearmos a nossa convidada com a apresentação dos mesmos. Nós (meninos do Jardim) escolhemos o “Monólogo no armário dos sapatos”. Todos aperaltados, recitamos com todo o profissionalismo a frase que “arduamente tínhamos estudado” e verificamos que todos ficaram deliciados com o nosso desempenho pois fomos brindados com muitas palmas.

Os alunos do 2º ano apresentaram “A lição do João” e os do 4º ano “A eleição na selva”. 

  Depois das nossas apresentações, a nossa convidada sentiu-se agraciada por escutar as suas palavras escritas através das nossas vozes. Seguidamente fomos mimoseados com a leitura e declamação de alguns trechos dos seus livros e no final tivemos envolvidos, animadamente, numa música muito gira, realizada para o livro que adquirimos. 

   Gratos pela sua visita oferecemos um miminho feito no nosso Jardim e todos os livros comprados receberam um autógrafo. 

   Agradecemos à Palmira toda a simpatia e amabilidade para connosco e esperamos um dia deste reencontra-nos para outras histórias.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

A caminho do Carnaval...

   Por estes dias temos andado atarefados com diversas atividades. O carnaval é o tema que tem merecido a nossa atenção pois é uma época que muito adoramos. A alegria é contagiante pois as músicas, as histórias e os projetos desenvolvidos são desafiantes e coloridos tal como são as nossas fantasias.

    Este ano seremos Índios, no bom sentido da palavra!!!... O cenário vai surgindo para brincarmos e para a sessão fotográfica da próxima sexta-feira. 

   E os nossos trabalhinhos giram em torno da tribo mais bem-disposta e divertida destas redondezas (que somos nós!!!!!).
    Temos aprendido algumas coisas sobre os principais hábitos e costumes destes nativos. Tem sido muito interessante compreendermos as suas práticas, o tipo de habitação, a sua alimentação, o que fazem, o que vestem, quem é o seu líder… e tantas outras coisas! Gostamos de saber estas coisas pois assim saberemos brincar ao “faz-de-conta que somos uns índios”, com toda a legitimidade. 

   Paralelamente a estes desafios também realizamos umas mascarilhas brilhantes (como nós) e preparamos o encontro de amanhã com a escritora Palmira Martins. Prometemos que contaremos como decorreu esse momento.
    Até amanhã!

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Amizade, amor e... muitos afetos.

O dia logo iniciou com troca de bilhetinhos, desenhos e flores. Todos sabiam que neste dia se comemorava o Dia de S. Valentim. Independente de alguns considerarem a abordagem deste assunto como irrelevante, no seio dos mais pequenos, não quisemos quebrar o entusiasmo de todos os que ansiosamente planeavam como desejavam demonstrar o seu carinho, amizade e até amor juntos dos seus companheiros e familiares.
A história escolhida foi “Bilhetinhos de namorados”.

  Os bilhetinhos e os desenhos são muitas vezes partilhados dentro dos grupos como símbolo de afeto e carinho pelo próximo. Reconhecendo esse prazer propusemos que cada criança decorasse corações a seu gosto, os que pretendessem, para oferecer a quem lhes fosse mais especial. 


A explicação para a razão da comemoração desta data foi dada face à curiosidade demonstrada. Escutaram também uma canção alusiva ao dia de S. Valentim.

video

E para oferecerem aos "namorados lá de casa" (os seus pais) realizaram um singelo postal repleto de muito, muito carinho. 


E para os mais pequenos uma pequena surpresa! Por toda a ternura e amizade partilhada um doce miminho...

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

O livro dos nossos corações...

     O amor já anda no ar! Os corações batem aceleradamente… E inevitavelmente o tema de conversa de hoje foi sobre quem nos faz palpitar, um pouco mais, o coração de cada um de nós. A história “O livro dos corações" permitiu-nos momentos de agradáveis diálogos sobre quem nos faz bem ao coração e de quem temos um carinho especial.

   Quisemos comprovar todo o carinho que brota nos nossos pequenos grandes corações e debruçamo-nos no livro dos corações, desenhando todos aqueles que temos bem aconchegadinhos ao nosso coração. A família e os amigos são sem dúvidas as pessoas que referimos com mais incidência...

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

"O Coelhinho Branco"

Hoje foi o culminar de uma semana intensa de emoção, diversão e fantasia. Os contos tradicionais são imensos e muito ainda ficou por ser comentado e explorado… Ainda sugerimos às nossas educadoras para continuarmos com este tema para a próxima semana mas foi-nos assegurado que voltaríamos a ter uma oportunidade idêntica à vivenciada recentemente.  
A história que escutamos hoje foi escolhida pelas educadoras, já que as anteriores tinham sido selecionadas por nós… Ouvimos atentamente “O Coelhinho Branco” através do vídeo que mostramos de seguida:
video
Este conto é muito engraçado e logo começamos num grande burburinho solicitando para participar na dramatização. 
O nosso desempenho foi mesmo muito bom… Não sabíamos o quanto talentosos eramos na arte de representar sobre tudo para um tão público exigente e diversificado, como nós somos. O bichinho ficou instalado e iremos continuar a representar personagens no nosso faz-de-conta, do nosso mundo imaginário.
A atividade desenvolvida em contexto de sala permitir-nos-á, uma vez mais, recontar esta história junto dos nossos familiares. 
Não conseguimos chegar a um consenso quanto à história que mais gostamos de explorar mas uma coisa é certa… adoramos cada uma à sua maneira e queremos voltar a experimentar uma semana semelhante a esta! 

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

"Os sete cabritinhos"

A história eleita para hoje foi “Os sete cabritinhos”. Já entendedores das dinâmicas desta semana estivemos concentrados durante a leitura da história pois toda a informação captada ajudaria-nos a representar fielmente este conto. Na hora de escolhermos os personagens foi difícil de controlar o nosso entusiasmo... E mais uma vez foi fantástico assistir a um teatro tão giro!!!!!!
As palmas fizeram-se ouvir assim como as gargalhadas...
Eis alguns dos trabalhos realizados por nós alusivos ao conto de hoje:
Uma outra atividade que executamos foi a elaboração de um relógio muito especial! Não é um relógio de sala como aquele onde o cabritinho se escondeu mas sim um relógio muito especial... Este dá-nos a hora certa para "ouvirmos o que a mãe nos diz",  a hora "para sermos obedientes e responsáveis", a hora "para cumprirmos as regras", a hora "para brincarmos e sermos felizes" entre tantas outras importantes para crescermos em harmonia e sabedoria. 
Informamos que estes relógios esgotaram temporariamente mas poderão encontrá-los num Jardim-de-infância perto de si! 

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

"Os três porquinhos"

Logo pela manhã sentiu-se um certo frenesim tal era a ansiedade para iniciar o momento de (re)ouvir a história que todos tinham escolhido para hoje. Após a leitura atenta da referida história seguiu-se o visionamento de um vídeo em desenhos animados, que, apesar de estar traduzido no português do Brasil, não desiludiu ninguém. De facto até se conseguiu ver um certo deslumbramento em cada momento que os porquinhos conseguiam escapar das garras do lobo mau.
Seguidamente surgiu o tão esperado momento da dramatização, mais uma vez revelador de talento e habilidade dos nossos pequeninos. Para alegria e espanto de todos surgiu um “lobo” muito especial (aquela cara não nos era estranha…).

 Foram momentos hilariantes… Parecia que ninguém queria “arredar pé” daquele cenário, daquela história, daqueles personagens… 
Na sala de atividades realizaram uma atividade que daria continuidade ao entusiamo e, simultaneamente, permitiria recontar, em contexto de família, a história que tanto gostam.  

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

"O Capuchinho Vermelho"

O conto tradicional que escolhemos para hoje foi “O Capuchinho Vermelho”. Temos estado muito empolgados com o tema desta semana e desejosos por participar ativamente nas atividades que vão surgindo, alusivas à história apresentada. E quem já não ouviu falar da menina que tem um capuz vermelho? Todos a conhecem mas isso não impediu de mais uma vez escutarem a sua aventura com o lobo mau.
video
Mais uma vez quisemos dramatizar esse conto e facilmente encontramos candidatos dispostos a representar, com muito profissionalismo, o papel de cada personagem.
Seguidamente entramos no mundo da culinária! Tal como a Capuchinho levou bolinhos para a sua avozinha quisemos confecionar uns coquinhos para levarmos para a nossa família. E mãos à obra! Já não nos inibimos com este tipo de tarefas. Bons doceiros e bons provadores… 


Para levarmos os deliciosos bolinhos trouxemos de casa uma garrafa de plástico que foi transformada numa cesta.

Também colorimos um cubo com algumas imagens desse conto que nos permitirá, em família, brincarmos e explorarmos oralmente a história do Capuchinho Vermelho.
Amanhã voltaremos para contar qual a história tradicional que escolhemos. 

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Semana dos Contos Tradicionais - "A Carochinha"

Com o início de uma nova semana e com o cheirinho do aproximar do carnaval resolvemos efetuar uma “Semana dos Contos Tradicionais”, como estratégia motivacional para a fantasia e alegria que é alicerçada a essa época carnavalesca. É reconhecido que os contos tradicionais, com os seus enredos e tramas, possibilitam às crianças lidar com valores universais ajudando-as a conhecerem-se a si e aos outros. Vão de encontro aos seus medos e angústias pois utilizam uma linguagem muito própria do bem e do mal, da vida e da morte, com o objetivo de insinuar soluções. Os contos conseguem deixar fluir o imaginário e levar a criança a ter curiosidade, que prontamente é respondida no decorrer da leitura dos contos. É uma possibilidade de descobrir o mundo colossal dos conflitos, dos impasses, das soluções que todos vivem e atravessam, de um jeito ou de outro, através dos problemas que vão sendo encarados ou não, resolvidos ou não, pelas personagens de cada história. 
Hoje a história que escutamos e exploramos foi “A Carochinha”.
video
   Para alguns foi a primeira vez que auscultaram esta história e ficaram deliciados com o decorrer dos acontecimentos. Para outros foi o relembrar de uma aventura desconcertante do rato João Ratão. Quando desafiados para a dramatização da mesma foi bem patente a excitação para assumir a personagem escolhida. As fotografias não demonstram totalmente a veia artística os nossos artistas.  Mas podemos garantir que o seu desempenho foi muito bom!!!!
Posteriormente realizaram uma atividade que permitirá o reconto  a história junto dos seus familiares.

 E claro falta a música...

         Amanhã cá voltaremos para desvendar qual a história tradicional que escutamos!


quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

A Família das Formas Geométricas II

A família das formas geométricas têm continuado de mãos dadas com as nossas brincadeiras e criações. As histórias são fortes aliadas na para a nossa imaginação, criatividade e aprendizagem. Depois da “Quadradinha”, do “Tangram”, do “País das formas”, escutamos a história do “Quadradinho”. 

Mais uma vez desafiamos as nossas habilidades artísticas e produzimos trabalhos coloridos e muito bonitos. Foi muito divertido explorar as formas criando composições diferentes e originais. Cada um de nós fez questão de explicar a sua obra de arte, com pormenores… 

     E falando de família... já começaram a chegar alguns trabalhos que têm sida elaborados com a ajuda dos nossos pais…
Vamos aguardar pelos que faltam, que ainda são muitos… 
Como gostamos muito de música deixamos aqui um video que gostamos de escutar...